Janja Silva aceita convite para ser madrinha da velha-guarda da Imperatriz Leopoldinense

A primeira-dama do Brasil, Janja Silva, convidou a direção e segmentos da Imperatriz Leopoldinense para um encontro na manhã desta sexta-feira no Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro do Rio.

O objetivo era estreitar laços com a agremiação e entender os projetos do programa “Imperatriz Social” voltados à comunidade, em especial ao Complexo do Alemão, conjunto de favelas onde fica localizada a quadra leopoldinense.

Janja aceitou o convite para ser madrinha da velha-guarda da verde, branco e ouro, mas a presença no desfile ainda depende da agenda oficial e dos compromissos firmados anteriormente.

“A partir de agora teremos mais proximidade para entender as demandas da instituição e auxiliar no fomento às atividades voltadas ao social e cultural. Retomaremos projetos para essas regiões periféricas, e as escolas de samba são fundamentais nesse processo”, afirmou Janja.

Animada, a primeira-dama brincou com a chegada do Carnaval e a afinidade com a agremiação leopoldinense.

“Tire minha comida, minha água, mas não tira meu Carnaval. Ainda não sabemos como ficarão os compromissos daqui pra frente, mas farei de tudo para estar na quadra, na Sapucaí e conhecer a Cidade do Samba”, disse a primeira-dama.

André Bonatte, diretor de Carnaval da escola, agradeceu o convite e o reconhecimento do programa “Imperatriz Social”.

“Estamos muito felizes por este encontro e pela possibilidade de falarmos um pouco do nosso povo, da nossa comunidade. Os projetos sociais da Imperatriz são financiados pela própria escola e ter o reconhecimento da primeira-dama é extremamente gratificante”, declarou.

À frente do Ministério das Mulheres, a ministra Cida Gonçalves, também esteve presente no encontro, que contou ainda com a participação do presidente regional do Partido dos Trabalhadores do Rio de Janeiro (PT-RJ), Tiago Santana. A comitiva da Imperatriz contou com as presenças de Solange Costa (presidente da Velha-Guarda), Rafaela Theodoro (porta-bandeira), Phelipe Lemos (mestre-sala), Lolo (mestre de bateria), Pitty de Menezes (intérprete) e Pedro Leite (coordenador de carnaval).

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Leia Mais