Lifting Facial e o melhor momento para realizá-lo

O cirurgião plástico Dr. Laertes Thomaz Jr., especialista em técnicas avançadas de lifting facial, apresenta todas as informações sobre o tema “Rejuvenescimento Facial”

A possibilidade de rejuvenescer o rosto é o sonho de muitas pessoas. Há algum tempo, era um sonho mais preponderante entre as mulheres e, hoje, se tornou o objeto de desejo de muitos homens também. Com o passar dos anos, o corpo humano sofre várias transformações e, naturalmente, passa a apresentar sinais de cansaço e envelhecimento. A face é uma das partes do corpo que mais demonstra esse processo natural e costuma ser o alvo de muitas intervenções estéticas, tanto por ficar em evidência quanto por não poder ser coberta por roupas.

As queixas e insatisfações são inúmeras e estão quase que sempre relacionadas a rugas, flacidez, marcas de expressão, papada no queixo, bolsas de gorduras e tantos outros sinais característicos do envelhecimento.

Com isso, muitas pessoas recorrem a tratamentos estéticos e as possibilidades existentes no mercado são inúmeras: botox, preenchimentos, laser, peeling e muitos outros. Tais procedimentos amenizam muitas insatisfações, mas não são definitivos e, com o passar do tempo, seus efeitos são cada vez menores para amenizar esse processo de envelhecimento.

Segundo Dr. Laertes Thomaz Jr., cirurgião plástico especialista em rejuvenescimento facial, técnicas não invasivas e não cirúrgicas aplicadas nos lugares certos podem trazer resultados, especialmente se realizadas por dermatologistas e cirurgiões plásticos competentes. Porém, não são duradouras e precisam ser refeitas com constância, acarretando custos elevados de manutenção no médio prazo.

“Em um certo ponto e idade, tanto o botox quanto os preenchimentos deixam de funcionar e o paciente fica com o famoso ´rosto de preenchimento´, devido à sua pele ter sido esticada materialmente com frequência”, conta Thomaz Jr.

Quando todas essas técnicas mencionadas passam a apresentar baixo resultado e necessitam ser refeitas constantemente, o mais recomendado é a realização de um procedimento cirúrgico como o Lifting Facial ou Ritidoplastia. Entre alguns métodos existentes, o que se tornou a maior tendência do momento se chama Deep Plane Facelift, que utiliza uma técnica moderna e inovadora que traz rejuvenescimento facial natural e ainda tem uma durabilidade maior que técnicas não-invasivas.

“O Deep Plane é diferencial porque aborda camadas profundas da face e possibilita que o cirurgião reposicione pele, músculos e gorduras, que são justamente as estruturas mais afetadas pelo envelhecimento facial”, diz Thomaz Jr. O especialista explica que essa técnica aborda globalmente as estruturas e, diferente de outros métodos, não traz um aspecto esticado que evidencia que uma cirurgia plástica foi realizada. O paciente conquista o seu rejuvenescimento de forma natural e muito mais duradoura, com a vantagem adicional de deixar uma cicatriz de excelente qualidade, pois a tração do rosto não fica apenas na pele, mas também mais profundamente.

Tendência atual muito utilizada por famosos e celebridades do mundo inteiro, a técnica ainda é realizada no Brasil por poucos cirurgiões plásticos. Isso porque ela requer uma capacitação diferenciada e muito aprimoramento técnico. Dr. Laertes Thomaz Jr. é um dos únicos cirurgiões plásticos brasileiros habilitados a realizar o Deep Plane Facelift, tendo realizado um fellowship nos Estados Unidos com o Dr. James Stuzin, um dos mais consagrados cirurgiões plásticos em cirurgia de face do mundo.

“Já realizo a técnica há 8 anos e tenho uma boa experiência nela. Busquei esse aprimoramento por ter muito apreço e entusiasmo por cirurgias plásticas faciais e sigo muito orgulhoso de estar no rol seleto de cirurgiões brasileiros que utilizam essa técnica tão eficiente em prol de oferecerem as melhores opções para os seus pacientes”, diz Thomaz Jr.

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Leia Mais