Adriane Galisteu explica motivo de divórcio ‘relâmpago’ com Roberto Justus

Publicado em

Adriane Galisteu, uma das personalidades mais conhecidas da mídia brasileira, recentemente compartilhou detalhes de seu casamento anterior com Roberto Justus em uma entrevista à revista Caras. Na entrevista, ela discutiu seus arrependimentos em relação a esse relacionamento e como lidou com sua separação. Além disso, a apresentadora de “A Fazenda” abordou questões sobre seus relacionamentos e compartilhou sua perspectiva sobre o que é necessário para manter um relacionamento saudável.

Sobre seu casamento com Roberto Justus, ocorrido em 1998, Galisteu revelou: “Foi uma paixão louca na nossa vida, falo tanto por mim quanto por ele. Foi tão louca que a gente atropelou tudo. Tenho muito respeito pelo Roberto e sei que ele tem por mim também, temos um relacionamento saudável. A gente se atropelou, mas foi um momento incrível.” Embora o casamento tenha sido breve, ela reconheceu os momentos significativos que compartilharam.

Lorena, como é conhecida, também mencionou o impacto da separação deles na época e como as pessoas tinham suas próprias opiniões sobre o relacionamento: “Todo mundo achava [uma coisa]. Eu estava vivendo um momento triste, traumático, mas eu tinha a certeza que era esse o caminho. A gente foi tão rápido em tudo, inclusive pra separar.”

Falando sobre suas experiências atuais no amor, Adriane, que está casada há 14 anos com Alexandre Iodice, destacou a importância de relacionamentos saudáveis: “Eu falo dessa história do vai e vem do amor, e eu sigo igual. O casamento só vale quando está bom para os dois. Porque quando não está bom para um, provavelmente não está bom para o outro também. Às vezes o outro não fala, mas você pode ter certeza que não existe um só infeliz no casamento.”

Ela também refletiu sobre seu passado, mencionando momentos em que estendeu relacionamentos que estavam destinados a falhar. “Tenho muitos arrependimentos, um deles é ter esticado tanto uma corda em um relacionamento que estava fadado ao fracasso, que não ia sair nada dali. Mas eu ficava ali, puxando aquela corda, tentando. Às vezes, por medo de ficar sozinha, porque eu tinha isso quando era mais nova.”

Adriane Galisteu também mencionou a influência de sua mãe em suas decisões, preocupada com o que as pessoas pensariam. Ela observou: “Às vezes, pelo que iam pensar, porque minha mãe sempre foi uma pessoa diferente de mim, ela é muito discreta. Eu com 50 anos e ela segue sendo minha mãe. Ela é muito importante na minha história e na minha carreira, mas ficava pensando nela também.”

Head Hg 2 14 Egobrazil

Por fim, Galisteu enfatizou que seu casamento atual com Alexandre Iodice representa um recomeço e é baseado na cumplicidade e na felicidade mútua. Ela encorajou as pessoas a não terem medo de mudar quando algo não está funcionando em seus relacionamentos, e a buscar a felicidade. Ela compartilhou: “Não tenho muito paciência para quando não está bom. O recomeço é fundamental, porque a gente só tem uma vida para viver.”

Em um mundo onde os relacionamentos desempenham um papel crucial em nossas vidas, as experiências e perspectivas de Adriane Galisteu oferecem valiosos insights sobre a importância de relacionamentos saudáveis e a necessidade de buscar a felicidade e o recomeço quando necessário.

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal ou mesmo do Portal iG.

A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Famosos

Últimas Notícias

Leia Mais

<