Adriane Galisteu relembra morte do irmão e primeiro apartamento após posar para Playboy

Publicado em

Adriane Galisteu (50) teve sua vida transformada após posar para a revista Playboy em 1995 com um contrato de meio milhão de dólares. Em entrevista à CARAS Brasil, a apresentadora relembrou a compra de seu primeiro apartamento com o dinheiro e resgatou morte do irmão, que aconteceu no ano seguinte ao contrato.

“Esse momento mudou a minha vida pessoal, porque é o primeiro grande dinheiro que eu ganho. Consigo acertar minha vida financeira com meu irmão ainda vivo. Meu irmão morre em 1996, mas aí ele já estava muito doente”, compartilhou Adriane Galisteu.

“Consigo acertar minha profissional e começar definitivamente sozinha, sem precisar morar de favor ou pedir dinheiro para os outros, para o Braga, que, principalmente, me deu todo o respaldo. Então, foi minha libertação”, acrescentou a apresentadora sobre o ensaio para a revista Playboy.

Além de acertar a vida financeira, profissional e pessoal, Adriane Galisteu também aproveitou o dinheiro do contrato para comprar seu primeiro apartamento. “É o meu primeiro apartamento, que eu comprei com o meu dinheiro. É onde minha mãe mora hoje, foi a minha primeira conquista. Ele está lá, a gente mexeu alguma coisa nele, mas a planta está igualzinha”, contou.

Conhecida por preservar objetos de sua história, Adriane Galisteu mantém o carro que ganhou de Ayrton Senna e a casa onde nasceu, assim como o apartamento. Durante a entrevista, a apresentadora relembrou a mudança da mãe entre os locais e revelou que seu lar de infância se tornou um lugar para guardar memórias de sua carreira.

“Tiro minha mãe de lá bem nessa época. Meu irmão fica muito doente e, quando ele morre, tiro minha mãe de lá e a levo para esse apartamento. Eu refiz a casa e, hoje, guardo coisas que ganho de fãs e todas as coisas da minha história profissional”, contou Adriane Galisteu.

“As capas da CARAS estão lá, tenho as revistas. Minha mãe, quando era mais nova, fazia álbuns com recortes de tudo que saía a meu respeito. Depois, ela parou porque não aguentava mais fazer, mas ela fez durante muito tempo”, completou a apresentadora. Para celebrar os 30 anos da CARAS, durante a entrevista Adriane Galisteu recebeu uma joia exclusiva e desenhada especialmente para a ocasião pela designer Rosana Chinche, do Atelier 17.

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal ou mesmo do Portal iG.

A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Famosos

Últimas Notícias

Leia Mais

<