Festival Negritudes da TV Globo reúne mais de 1,5 mil pessoas no Rio de Janeiro

Nesta sexta-feira (17), o evento Negritudes reuniu mais de 1,5 mil pessoas no Galpão da Ação da Cidadania, localizado na Gamboa, Rio de Janeiro.

Produzido pela Globo, o encontro contou com conferencistas que valorizaram as origens afro-brasileiras, a estreita ligação com o continente africano e defenderam maior inclusão e representatividade nas obras audiovisuais do Brasil. A transmissão do evento estará disponível no Globoplay.

Foto: Roberto Filho / Brazil News
Foto: Roberto Filho / Brazil News

Tais Araújo destacou a força da arte em unir vidas e narrativas. Durante o evento, ela dividiu o palco com Prudence Kalamby, refugiada congolesa, e Lázaro Ramos, tendo Lilian Ribeiro como mediadora. Prudence ressaltou a importância das histórias em sua vida.

Foto: Roberto Filho / Brazil News
Foto: Roberto Filho / Brazil News

Zezé Motta e Antonio Pitanga também participaram do festival. Zezé Motta relembrou sua jornada como artista. “É gratificante saber que posso inspirar pessoas negras. Estamos presenciando muitas transformações e é maravilhoso abrir essas oportunidades”, afirmou a atriz e cantora.

Pitanga fez questão de homenagear figuras negras renomadas que vieram antes, em diferentes áreas, como Luiz Gama, Machado de Assis, Benjamin de Oliveira, Lima Barreto, Milton Gonçalves, Ruth de Souza, Léa Garcia, e outros. “Com minha idade de 85 anos, presenciar essa representatividade negra na mídia é extremamente significativo. É um indicativo de que todo o esforço valeu a pena”, afirmou.

Foto: Roberto Filho / Brazil News

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

** A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Ultimas Noticias

Leia Tambem

Leia Mais