Flavia Cintra, repórter do ‘Fantástico’, volta a caminhar após 32 anos

Publicado em

Um salto em direção ao progresso. A jornalista Flavia Cintra embarcou em uma experiência transformadora ao viajar para Nova York.

Tetraplégica há 32 anos, desde um acidente de carro, ela teve a oportunidade de conhecer o exoesqueleto Atalante, um robô com 12 motores distribuídos em sua estrutura, que desempenha o papel das articulações naturais do corpo. Esse dispositivo “abraça” e auxilia pessoas com diferentes tipos de paralisia a recuperarem a capacidade de caminhar.

O programa “Fantástico”, exibido no domingo, 2 de julho, acompanha cada passo dessa jornada. A equipe do programa foi a Nova York para realizar as gravações na semana em que a Organização das Nações Unidas discutia os direitos das pessoas com deficiência.

Para viver essa experiência, Flavia Cintra passou por um mês de preparação para suportar os impulsos necessários e dar os primeiros passos com o exoesqueleto: “Foi a primeira vez em mais de trinta e dois anos que eu andei. Então, caminhar esses metros foi como correr uma maratona para mim”.

Flavia Cintra
Flavia Cintra

No décimo e último episódio do programa “Avisa Lá Que Eu Vou”, o humorista Paulo Vieira embarca em uma viagem de barco pelos rios da Amazônia. O programa, exibido todas as noites de terça-feira no GNT, apresenta histórias curiosas e conversas animadas com personalidades locais em diferentes partes do Brasil.

O “Fantástico” deste domingo começa logo após o “Domingão com Huck”.

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal ou mesmo do Portal iG.

A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Famosos

Últimas Notícias

Leia Mais

<