No mês das mulheres, Ghabi fala sobre avanços na luta pelos direitos femininos: “Vivemos em uma geração revolucionária”

Publicado em

A cantora e compositora Ghabi é uma artista que usa sua voz para inspirar e empoderar mulheres. Através de suas músicas, composições e presença nas redes sociais, ela promove a igualdade de gênero e levanta a bandeira contra a violência e o machismo. Em meio ao mês de março, dedicado a essas importantes pautas, a carioca falou sobre o significado de ser mulher, os avanços na luta pelos direitos femininos e a importância da união para essa evolução.

Indo muito além do lado comercial, Ghabi destaca o quão essencial é ter um período totalmente voltado para celebrar e representar o esforço e a dedicação da mulher. “Eu não sei nem dizer o que é ser mulher, porque é ser tantas coisas ao mesmo tempo. Estamos em um mês que não é apenas comercial, para dar flores ou chocolates é um mês pra gente falar de respeito, de violência contra a mulher e empoderamento feminino. Existem muitas mulheres que estão sofrendo nesse momento, dentro de culturas ou dentro de legislações”, afirmou.

A artista reconhece que as mulheres ainda enfrentam muitos desafios, especialmente em culturas e legislações opressoras. No entanto, afirma se sentir agradecida por fazer parte de uma geração que vem conseguindo avançar cada vez mais. “Fico muito feliz e grata por fazer parte dessa geração, vivemos em uma geração completamente revolucionária, em comparação com as anteriores. Mas é muito importante dizer que só consigo descobrir a potência que sou, porque hoje em dia eu vivo num ambiente em que vejo muitas mulheres poderosas em minha volta, que me inspiram e que me fazem sempre querer buscar o melhor de mim dentro de mim. Muito do que posso ser”, diz.

Ghabi - Crédito Da Foto Caio Veiga
Ghabi – Crédito da Foto: Caio Veiga

A cantora acredita que este é um momento crucial para que os homens passem a entender a importância desse movimento e também se engajem na luta pela igualdade de gênero. “Eles precisam estar dispostos a escutarem, se quiserem de fato escutar, porque as próximas gerações vêm cada vez mais fortes. Os homens que não souberem se alinhar a esse movimento que já está acontecendo, vão realmente ficar muito por atrás”, afirmou.

Para Ghabi, a união entre as mulheres é fundamental para alcançar a verdadeira igualdade em todas as esferas sociais. “Nós precisamos nos dar as mãos, para a gente entender que estamos aqui para ser cada vez mais fortes, para não precisar passar por situações desconfortáveis. O movimento de solidariedade e de união feminina é o que vai fazer com que a gente chegue cada vez mais longe”, expressou.

Por fim, a artista declarou que o grande propósito de sua carreira é seguir enaltecendo e fortalecendo o poder feminino. “As mulheres que me acompanham sabem que em minhas redes sociais, no meu trabalho e em toda minha expressão artística vão ter sempre uma fonte de força, de potência, de solidariedade e de carinho”, declarou.

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal ou mesmo do Portal iG.

A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Famosos

Últimas Notícias

Leia Mais

<