O que faz o público odiar Jade Picon e admirar Arthur Aguiar?

Publicado em

As desavenças entre Jade Picon e Arthur Aguiar no jogo podem chegar ao fim hoje à noite. A influenciadora digital e o ex-Rebelde disputam o 7º paredão ao lado de Jessilane. A enquete do UOL aponta que Jade será eliminada com um alto índice de rejeição, aproximadamente 85%.

Debate de hoje é sobre o que Jade Picon fez para ser tão rejeitada pelo público do reality show e como Arthur Aguiar saiu de um dos mais criticados fora da casa para a figura de queridinho da edição.

Em primeiro lugar, as colunistas apontam que Jade coloca o fato de ser uma mulher rica como uma condição de mérito pessoal, o que pode soar para o público como alguém que se acha melhor que os outros.

<

Aline Ramos comenta que isso ficou mais evidente quando no domingo, em seu discurso de defesa para permanecer no programa, a sister afirmou que pretende doar o prêmio de R$ 1,5 milhão para cinco instituições sociais.

O que faz o público odiar Jade Picon e admirar Arthur Aguiar?
O que faz o público odiar Jade Picon e admirar Arthur Aguiar?

A Jade é direta e fala o que pensa, o que para muitas pessoas é ameaçador. Não é uma postura que se espera de uma mulher. Soma-se a isso o fato de que ela não colabora e é arrogante.

Desde que a participação da influenciadora digital no reality show foi anunciada, o fato de ela ser bem sucedida financeiramente chamou a atenção do público.

Publicidade nas redes sociais é a principal fonte de receita da sister, onde ela mostra a sua rotina de beleza, cuidados com o corpo e as viagens. O irmão dela, Leo Picon, já comentou que apenas com a gravação de um story Jade chega a faturar R$ 250 mil.

No jogo da discórdia desta segunda-feira, outra fala da sister sobre ser bem sucedida gerou uma repercussão negativa nas redes sociais. Gustavo afirmou que ela é uma mulher que conquistou a independência financeira aos 20 anos e ela rebateu dizendo que foi aos 13.

<

Para Débora Miranda, o tom como ela fala sobre o assunto chega para a audiência como algo arrogante.

Quando ela falou isso ontem, eu não vi um sentido de que ela se acha melhor que os outros, mas ela trata isso como orgulho e isso bate na audiência como algo arrogante, esnobe. Eu vi muitas pessoas questionando essa frase que ela disse.

No caso de Arthur Aguiar, Cristina Padiglione avalia que ele se tornou um dos favoritos da edição por romper com as expectativas que o público tinha de como seria sua participação no reality.

É uma desconstrução de imagem. Quando o Arthur entrou na casa, a gente achou que ele ia ‘passar o rodo’. É uma expressão ruim, mas é assim que ele era visto. Aí ele ficou quieto e outros homens acabaram fazendo esse papel. Ele mostra transparência em suas atitudes e as pessoas adoram isso.

Uma outra característica de Arthur no jogo e que acabou o favorecendo, segundo Padiglione, é o fato de ele estar em seu quarto paredão – em três ele foi indicado por Jade. Assim como ocorreu em edições passadas, o público se compadece com participantes que são mais perseguidos.

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento siga o EGOBrazil no Google Noticias ou EGOBrazil no Instagram.

** A opinião expressa neste texto não é necessariamente a mesma deste site de notícias.

© 2023 EGOBrazil | A reprodução deste conteúdo é estritamente proibida sem autorização prévia.

Famosos

Últimas Notícias

Leia Mais

<